TSE determina retirada de placa na fachada do comitê de Dilma

Decisão foi da ministra Nancy Andrigui, alegando que o painel ultrapassa o limite permitido pela lei; Cabe recurso

Severino Motta, iG Brasília |

A ministra Nancy Andrigui, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), determinou a retirada da placa que decora a fachada do comitê central da campanha de Dilma Rousseff (PT), em Brasília. O pedido foi feito pela coligação “O Brasil pode mais”, liderada pelo tucano José Serra .

De acordo com Nancy, a placa ultrapassa o limite legal para propaganda eleitoral, fixado em quatro metros quadrados. A peça na fachada do comitê possui 71 metros quadrados, conforme medição feita pelo TSE. Em seu despacho, a ministra ainda destacou que, caso o material não seja retirado imediatamente, a campanha receberá multa que varia de R$ 2 mil a R$ 8 mil.

Severino Motta, iG Brasília
Fachada do Comitê Central da campanha de Dilma Rousseff no Setor Comercial Sul, área central de Brasília

Ao saber da decisão do TSE o advogado da campanha de Dilma, Márcio Silva, disse que o painel será retirado da fachada do comitê. Apesar disso, um recurso será apresentado ao Tribunal para que reconsidere sua posição.

Segundo Silva, a placa, por identificar o comitê central, não deveria seguir as mesmas normas que as propagandas eleitorais comuns.

    Leia tudo sobre: tseeleiçõeseleições dilmapleito 2010fachadacomitê

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG