TSE aprova envio de forças federais para RN e AM

Pedido foi feito sob o argumento de "histórico de incidentes e conflitos ocorridos em eleições pretéritas"

Agência Estado |

selo

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou o envio de forças federais para garantir a segurança pública no primeiro turno das eleições, no próximo dia 3 de outubro, para municípios do Rio Grande do Norte e do Amazonas. No Rio Grande do Norte, o pedido foi feito pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para 20 municípios do Estado, sob o argumento de "histórico de incidentes e conflitos ocorridos em eleições pretéritas", segundo o TSE. Entre as cidades citadas estão São José de Mipibu, Macau, Guamaré, Campo Grande, Paraú, Triunfo Potiguar e Apodi.

Sob a mesma alegação de problemas em pleitos anteriores, o TSE acatou o pedido do TRE-AM para envio de ajuda para dois municípios (Tefé e Maués). O Estado do Amazonas tem 62 municípios e até agora o TSE autorizou a ajuda para 15 deles.

Além das autorizações de hoje, já estava previsto o reforço para as cidades de Tabatinga, Santo Antônio do Iça, Tonantins, Humaitá, Autazes, Manicoré, Santa Isabel do Rio Negro, Novo Airão, Coari, Benjamin Constant, Boca do Acre, Itacoatiara e São Gabriel da Cachoeira.

No caso de Benjamin Constant, o TRE-AM constatou um contingente insuficiente de soldados da Polícia Militar (PM) na área de fronteira: Brasil/Peru e Brasil/Colômbia. Em Boca do Acre, há uma defasagem de 40% no efetivo da PM para garantir a segurança no dia das eleições.

    Leia tudo sobre: eleições rneleições amsegurança

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG