Tropas federais garantem segurança no Pará

Em parceria com a PM, tropas vão monitorar as eleições em 80 municípios

Pollyana Bastos, iG Pará |

Tropas federais autorizadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) vão atuar em 80 municípios do estado do Pará nas eleições de domingo (31). Elas vão atuarão em parceria com a Polícia Militar (PM), informou nesta sexta-feira o presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE-PA), João Maroja.Ele acredita que o TRE vai conseguir corrigir nestas eleições as falhas do primeiro turno.

A estrutura está montada para a votação de domingo (31). As tropas federais autorizadas pelo TSE vão atuar para garantir a segurança do processo eleitoral. Ainda de acordo com o presidente do TRE-PA, as falhas na transmissão de dados, que atrasaram o fim da apuração no primeiro turno, não devem acontecer nesta etapa.

Áeronaves e helicópteros

Equipamentos defeituosos foram substituídos e a expectativa é que a totalização termine ainda no dia 31. Para dinamizar o processo, o sistema de transporte de funcionários e equipamentos para áreas distantes levará seis horas. “São seis horas de voadeira (barco) para as seções distantes, como as indígenas. Providenciamos aeronaves e helicópteros para fazer o transporte."

Os problemas ocorridos no primeiro turno serão superados, assegurou Maroja. O desembargador disse ainda que não acredita que o índice de abstenção será grande por conta do feriado prolongado. “Acredito que o cidadão paraense esteja consciente sobre esse dever,” concluiu.

O eleitor paraense elege os novos governador do Estado e o Presidente da República. A escolha será respectivamente entre Ana Júlia (PT) e Simão Jatene (PSDB), Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB).

    Leia tudo sobre: eleições patre patropas federaistsesegundo turno

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG