Prisões se deveram a crimes de boca de urna e propaganda eleitoral

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) registrou 12 prisões no Estado por crime eleitoral. Desse total, 11 foram casos de boca de urna e uma delas de divulgação de propaganda eleitoral. O município com maior número de ocorrências foi Porto Ferreira, com sete prisões. Em seguida, estão São Bernanrdo do Campo (4) e Salto (1). No total, o TRE-SP registrou mais sete casos de boca de urna sem prisão e outros 38 de divulgação de propaganda. Houve também um caso de transporte ilegal de eleitores no município de Bastos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.