TRE-MT declara deputado federal Pedro Henry inelegível por três anos

Parlamentar adiantou que recorrerá ao TSE

Marcello Sigwalt - iG Brasília |

Por decisão unânime, o Pleno do Tribunal Regional Eleitoral do Mato Grosso (TRE-MT) tornou hoje inelegíveis por três anos o deputado federal Pedro Henry (PP), seu irmão e ex-prefeito de Cáceres, Ricardo Henry e Manoel Ferreira de Matos por abuso de poder econômico, abuso de autoridade e pelo uso indevido de veículo de comunicação nas eleições municipais de 2008.

Alegando perseguição política, Pedro Henry, candidato à reeleição, prometeu recorrer da decisão ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), além de acusar o ex-procurador da República e candidato a senador Pedro Taques (PDT) de interferir na decisão do TRE-MT.

    Leia tudo sobre: TRE-MTPedro Henryinelegível

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG