A analise dos pedidos restantes de candidaturas às eleições de outubro vai ser prolongada para a próxima semana

O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) não conseguiu cumprir o prazo legal para a impugnação ou confirmação dos pedidos de candidato, que terminou na quinta-feira, 5. Em sessão extraordinária nesta sexta-feira, 6, estão sendo julgados mais 60 registros de candidatura. O julgamento dos pedidos começou ao meio dia, horário de Manaus.

De acordo com informações da Sessão Judiciária do Tribunal Regional do Estado, ao fim da sessão de ontem ficaram pendentes 151 pedidos de candidaturas. Os 91 registros que não serão analisados nesta sexta-feira vão ser julgados no decorrer da próxima semana. Na sessão de quinta-feira foram analisados 167 pedidos, 18 deles foram negados por problemas na documentação.

Entre os registros aceitos está o do governador e candidato a reeleição Omar Aziz (PMN), mas o Ministério Público Eleitoral (MPE-AM) pediu vistas do processo para analisá-lo. O candidato a vice de Aziz, José Melo (PMDB), teve seu pedido aceito. Nem a realização de sessões durante toda a semana e o mutirão feito na quinta-feira foi suficiente para analise de todos os 509 registros em pauta.

Quase 360 pedidos de candidatos já foram julgados e considerados aptos para as eleições de 3 de outubro. Desde o início das analises dos pedidos, há duas semanas, 22 registros foram negados.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.