TRE retira propaganda irregular em Roraima

Material afixado em via pública representa risco de vida para motoristas, diz juiz eleitoral

Menezes y Morais, iG Brasília |

O Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE) determinou a retirada de propaganda eleitoral irregular fixada a menos de 10 metros de rodovias, cruzamentos e retornos, conforme informa em seu sitio com informação publicada nesta quinta-feira (9). A decisão é do juiz Jorge Luiz de M. Gurgel do Amaral, da 21ª Zona Eleitoral.

O juiz Jorge Amaral fundamentou sua decisão argumentando que “a colocação desses materiais em locais de cruzamento de vias públicas representa grave fator de risco a circulação de veículos.” Os partidos e coligações envolvidos devem retirar a propaganda irregular no prazo de 24 horas.

Até esta quinta-feira mais de 80 denúncias foram feitas, “que reputam irregular a propaganda eleitoral em cavaletes e placas, que atrapalham a visibilidade dos veículos.” Hoje à tarde, servidores do TRE retiraram dezenas de placas ao longo da Avenida Jorge Teixeira. O trabalho de retirada da propaganda irregular continua amanhã e ao longo da próxima semana.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG