TRE faz mutirão para julgar processos em Roraima

Entre as nove itens da pauta, o ex-prefeito Ecildon Filho, que teve contas rejeitadas, está enquadrado na Lei da Ficha Limpa

Willame Sousa, iG Roraima |

Um dos nove processos na pauta de julgamento do Tribunal Regional Eleitoral de Roraima (TRE/RR) para hoje, a partir das 16h, é o pedido de impugnação da candidatura de Ecildon de Souza Pinto Filho (PTB), requerida pela Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) com base na lei Ficha Limpa. Ele disputa vaga de deputado estadual.

Ecildon de Souza Pinto Filho é ex-prefeito de do município de Mucajaí, localizado a cerca de 50 km da capital Boa Vista. A PRE alega como motivo para o indeferimento é o fato de as contas referentes à gestão dele como prefeito terem sido rejeitadas pelo Tribunal de Contas da União (TCU). O TRE-RR não informou em que ano estas contas foram rejeitadas nem outros detalhes da ação.

Os outros oito processos que aguardam julgamento são referentes a deferimento de candidaturas. O TRE julgou 550 processos e pretende esgotar a pauta na sessão desta terça-feira (24). Conforme Armando Nahmias, secretário judiciário do TRE, haverá esforço concentrado dos juízes para concluir as pendências. Nos últimos dias, as sessões têm entrado pela noite.

Não está descartado que isto também ocorra hoje, para cumprir prazos do calendário eleitoral fixado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Pelo calendário, os TREs de todo país tinham que julgar todos os processos referentes às eleições de 2010 até o último dia 5, inclusive os impugnados, com suas respectivas decisões publicadas.

Por isso, desde que o prazo foi extrapolado, o TRE-RR realiza sessões extraordinárias para solucionar as pendências.

    Leia tudo sobre: eleições rrtrepreficha limpatse eleiçõesroraima

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG