STF rejeita recurso de Mattoso no caso Francenildo

O ex-presidente da Caixa Econômica Federal não se livrou da ação que o acusa de envolvimento com a quebra do sigilo do caseiro

AE |

O ex-presidente da Caixa Econômica Federal Jorge Mattoso não se livrou da ação que o acusa de envolvimento com a quebra do sigilo bancário do caseiro Francenildo Costa. O Supremo Tribunal Federal (STF) recusou recurso que contestava o fato de a corte ter recebido a denúncia após rejeitar acusação contra o ex-ministro da Fazenda Antonio Palocci (PT-SP).

Eclodido em 2006, o episódio da quebra do sigilo de Francenildo custou a Palocci o cargo na Esplanada dos Ministérios. Hoje deputado e coordenador da campanha presidencial da ex-ministra Dilma Rousseff, Palocci era citado pelo caseiro como um dos frequentadores de uma mansão em Brasília, onde ocorreriam festas e reuniões para, supostamente, realizar a partilha de dinheiro. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

    Leia tudo sobre: FrancenildoAntonio Palocci

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG