Souto culpa Wagner pelo aumento da criminalidade na Bahia

Candidato do DEM ao governo da Bahia aponta segurança pública como área mais descuidada da gestão de Jaques Wagner

Aura Henrique, iG Bahia |

O candidato demista ao governo da Bahia, Paulo Souto, em entrevista concedida, nesta sexta-feira à TV Bahia, responsabilizou o governador Jaques Wagner (PT) pelo aumento de 76% na criminalidade da região metropolitana de Salvador. Souto apontou o tráfico de drogas como principal setor de negligência da gestão petista no Estado.

“O governo não cuidou dessa questão. Quem mora em Salvador tem até seis vezes mais chances de sofrer violência que quem mora em São Paulo ou Rio de Janeiro”, disse. “É preciso cuidar dos setores dos quais vão depender as nossas vidas: segurança pública e saúde”, afirmou.

Souto se disse confiante na virada e não vê problema na rejeição de seu nome ao posto, apontada em pesquisas. “Outras avaliações mostram que meu governo foi muito bem, basta que se relembre isso”, garantiu. O candidato não quis levantar polêmica sobre o que faria de diferente do passado.

    Leia tudo sobre: eleições bapaulo soutosegurança pública

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG