Serra pede que médicos convençam pacientes a votar nele

Em evento comemorativo ao Dia do Médico, candidato tucano promete investir R$ 15 bi na Saúde em quatro anos

Nara Alves, iG São Paulo |

Durante evento na Associação Médica Brasileira (AMB) nesta segunda-feira, o presidenciável tucano, José Serra , pediu aos médicos que enviem e-mails às suas listas de pacientes pedindo votos para a sua candidatura. Serra chegou a pedir que cada um consiga cinco votos de quem não vai votar nele.

"No Dia do Médico, o que eu queria fazer era um chamado para todos os médicos do Brasil que venham conosco. Primeiro, para ganhar a eleição porque eleição se ganha com voto e eu calculo que na saúde, na média cada um pode conseguir cinco votos mais de gente que não ia votar. Todo mundo tem e-mails, lista de pacientes, têm coisas que podem ser trabalhadas perfeitamente dentro do regime de liberdades civis, entre elas está a liberdade de pedir voto para um candidato e eu quero que vocês exerçam isso comigo", afirmou.

O Código de Ética Médica proíbe que o trabalho do médico seja "explorado por terceiros com objetivos de lucro, finalidade política ou religiosa". Durante o evento, na capital paulista, a AMB deixou claro que a instituição não se posiciona, mas que os médicos, como indivíduos, podem apoiar um ou outro candidato.

Serra participou de encontro em homenagem ao Dia do Médico e estava acompanhado do prefeito Gilberto Kassab (DEM) e do governador eleito por São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB). Serra prometeu investir R$ 15 bilhões em quatro anos na área de Saúde, caso seja eleito presidente. Desse total, R$ 3 bilhões seriam destinados a saneamento básico a fundo perdido em municípios de menor IDH do Norte e Nordeste do País. O restante seria investido em ações voltadas à saúde da mulher, ao setor hospitalar e nos Ambulatórios Médicos de Especialidades (AMEs).

    Leia tudo sobre: pleito 2010eleições serra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG