Serra fará convenção sem definir vice

Presidente do PSDB afirma que companheiro na chapa de Serra precisa ser definido com calma e harmonia

Adriano Ceolin |

O presidente do PSDB, Sérgio Guerra (PE), afirmou que o nome do vice na chapa do pré-candidato à Presidência da República, José Serra, será definido após a convenção nacional do partido, marcada para este sábado. “Não dá para fazer escolher na mesma semana em que a gente está organizando a convenção”, disse ao iG .

AE
Aécio, Serra e Anastasia se encontram em Montes Claros
Os tucanos enfrentam dificuldades para definir um companheiro de chapa de Serra. Líderes do PSDB avaliam que fazer a convenção sem um nome para a vaga é ruim campanha tucana. Principalmente porque a adversária Dilma Rousseff (PT) já definiu que terá no posto o deputado Michel Temer (PMDB-SP).

Até duas semanas atrás, o favorito da oposição para ocupar a vaga de vice era o ex-governador de Minas Gerais Aécio Neves. Ele, no entanto, prefere disputar o Senado e ajudar na reeleição do seu sucessor, Antonio Anastasia (PSDB).

Guerra nega que o partido tenha problemas para definir o vice. “Nós queremos sentar com calma e resolver esse assunto de forma harmônica”, disse. O presidente do DEM, Rodrigo Maia, reivindica para o seu partido o posto, principalmente depois que Aécio recusou o convite.

Entre os nomes do DEM, o mais cotado é o do deputado federal José Carlos Aleluia (DEM-BA). Ele agrada a José Serra, com quem tem uma longa amizade. No entanto, enfrenta resistências do DEM baiano, principalmente da família do ex-senador Antonio Carlos Magalhães

Os tucanos também preferem um integrante do PSDB na vaga de vice. O problema é que faltam nomes. Os mais cotados são Tasso Jereissati (PSDB-CE) e o próprio Sérgio Guerra. Porém, ambos já disseram que querem disputar, respectivamente, o Senado e a Câmara dos Deputados.

    Leia tudo sobre: SerraviceConvenção

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG