Serra diz que país não pode ser governado de maneira terceirizada

Em Santa Catarina, tucano afirma que é preciso melhorar a segurança e o combate às drogas

Agência Brasil |

O candidato à Presidência da República, José Serra (PSDB), disse hoje que o Brasil não pode ser governado de maneira terceirizada. “O Brasil tem que ser governado por quem estiver preparado para isso." Elogiando a conjuntura econômica, Serra destacou, no entanto, que é preciso manter essa boa situação nos próximos anos. “É preciso saber lidar com os problemas econômicos e os problemas externos da nossa economia.”

Para Serra, sem infraestrutura, como estradas, portos e aeroportos, o país não vai continuar crescendo. “É preciso também ter juros menores, mais compatíveis com o crescimento econômico.” O candidato destacou, ainda, que para garantir o desenvolvimento é necessário melhorar a educação e preparar as pessoas para o emprego.

O candidato tucano disse que o Brasil precisa melhorar a segurança e o combate às drogas. “A droga é o grande mal que afeta a nossa juventude. E tem que ser combatida pelo governo federal. Por isso eu quero criar o Ministério da Segurança, um ministério de verdade para combater um dos problemas mais graves que temos. O governo federal não pode continuar omisso."

Serra começou o dia com uma caminhada em Balneário Camboriú (SC), onde discursou em cima de um carro de som. Em seguida, almoçou no mercado público de Itajaí com os principais candidatos da coligação em Santa Catarina. Em Navegantes o candidato tucano inaugura um comitê de campanha e depois viaja para Londrina (PR).

    Leia tudo sobre: pleito 2010eleições serra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG