Serra defende investigação de licitação do metrô em SP

Tucano diz que tudo ocorreu depois da saída dele do governo, mas licitação começou em 2008

Manuela Andreoni, iG Rio |

O candidato à Presidência pelo PSDB, José Serra , defendeu que se investigue a licitação dos lotes 3 a 8 do metrô de São Paulo. Em visita às obras no Maracanã, no Rio, nesta terça-feira, o ex-governador paulista quis deixar claro que o suposto problema com as empresas vencedoras do processo licitatório, denunciado pelo jornal Folha de S. Paulo , ocorreu após sua saída do governo.

“Quanto a ter havido acordo entre as empresas, isso deve ser investigado segundo a decisão do governador (Alberto Goldman, do PSDB). Isso tudo transcorreu depois da minha saída, mas é importante que seja bem esclarecido”, declarou Serra à imprensa.

O jornal Folha de S. Paulo noticiou nesta terça-feira que já conhecia o resultado das licitações dos lotes 3 a 8 do metrô paulistano em abril deste ano. De acordo com a publicação, a licitação foi aberta em outubro de 2008, quando Serra ainda governava o Estado. Ele deixou o cargo para concorrer à Presidência em abril de 2010. Goldman, seu substituto, já declarou que a investigação foi solicitada e que a licitação foi cancelada.

    Leia tudo sobre: pleito 2010eleições serra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG