Roseana e Dino vão de Dilma; Jackson de Serra

Candidatos ao governo do Estado prometem fazer campanha para os dois presidenciáveis

Wilson Lima, iG Maranhão |

Após o término das eleições no Maranhão, os três principais candidatos ao governo em 2010 trabalharão em favor das candidaturas dos presidenciáveis Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB) no Estado. Flávio Dino (PCdoB) e Roseana Sarney (PMDB) apoiarão Dilma; Jackson Lago (PDT) fará palanque para Serra.

No caso específico dos apoios a Dilma no Maranhão, as diferenças ideológicas entre a base de sustentação de Roseana e Dino devem criar dois palanques diferentes de apoio à petista. O PT pretende conversar com os partidos ligados a Flávio Dino para tentar conduzir um processo de coalizão pró-Dilma. O comunista, do outro lado, classifica como “inviável” uma união com os partidos da base da governadora, mesmo que seja com foco nas eleições presidenciais. “Essa aliança poderia ter sido formada antes”, criticou o comunista.

Em reportagem do jornal O Estado do Maranhão , a governadora Roseana Sarney afirmou que pretende continuar em campanha “por tudo o que representa de interesse para o Maranhão a vitória de Dilma Rousseff para a Presidência da República”. “É importante que o Maranhão confirme para a ela a maior votação do Brasil em termos proporcionais”, pontuou. O PT já articula visitas da governadora em várias cidades maranhenses principalmente naquelas onde ela teve uma votação mais expressiva.

Flávio Dino também pretende realizar ações pró-Dilma no Maranhão. Isso, entretanto, deverá ser acertado apenas após a próxima sexta-feira, quando ocorrerá uma reunião do PCdoB, em Brasília, com a sua base em todos os Estados. “Isso ainda ficará definido, mas sem dúvida apoio a Dilma. Somos da base do governo”, destacou o comunista. Apesar de ter disputado a sua primeira eleição no Estado, Dino conseguiu a primeira colocação em cidades importantes, como Caxias, por exemplo.

Já Jackson Lago destacou hoje que fará palanque para o ex-ministro da Saúde, José Serra. A campanha pelo tucano toma como base o apoio que o PSDB deu ao PDT à sua candidatura ao governo do Estado e à aliança dos dois partidos desde 2006, quando ele se elegeu governador. Os dois principais prefeitos do Maranhão, João Castelo (PSDB) e Sebastião Madeira (PSDB), de São Luís e Imperatriz, respectivamente, deram sustentação a Lago nessa campanha. “Quem não concorda com o Maranhão do jeito que está, terá que votar com o Serra”, declarou o ex-governador. A idéia de Lago é percorrer o interior do Estado para conseguir votos em prol do tucano. Principalmente em cidades onde Serra teve uma votação menos expressiva.

A candidata do PT à Presidência da República teve, no Maranhão, 70,65% dos votos válidos. Um total de 2 milhões de votos. Serra foi o segundo colocado com 15,09% dos votos válidos, pouco mais de 444 mil votos. A diferença de Serra para Marina Silva (PV), no Maranhão, não chegou a 50 mil votos. A candidata do Partido Verde conseguiu 400 mil votos no Estado, 13,59%.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG