Rio: Em clima de despedida, candidatos fazem retrospectiva na TV

No horário gratuito, concorrentes reclamam da falta de espaço para falar com eleitores e de 'fantasia' na propaganda do governo

iG Rio de Janeiro |

No horário eleitoral gratuito desta segunda-feira (27), a seis dias das eleições, candidatos ao governo do Estado do Rio se despedem da campanha e fazem retrospectiva das propostas e denúncias apresentadas. A maioria dos adversários do governador Sérgio Cabral (PMDB) também reclamou da “fantasia” apresentada nos programas de TV da gestão atual e de falta de espaço para falar de propostas.

O candidato do PV Fernando Gabeira, adversário mais competitivo do atual governo, falou de sua “luta contra a máquina”, fazendo uma retrospectiva de suas denúncias e críticas nas áreas de saúde, transporte, educação e segurança. O verde também criticou a propaganda do governo Cabral.

“Chegamos aos momentos decisivos da campanha. Lutamos contra uma máquina de propaganda que gastou para promover o governo R$ 430 milhões de reais”, criticou Gabeira.

Fernando Peregrino (PR), candidato do ex-governador Anthony Garotinho e terceiro colocado nas pesquisas de intenção de voto, classificou a propaganda de Cabral como uma “fantasia”. Ele convocou os eleitores a assistirem o debate da TV Globo de que participa nesta terça-feira (28), junto com Gabeira e Cabral, para que possam conhecer suas propostas. Peregrino afirmou que seu tempo de propaganda é muito curto para apresentá-las.

Os candidatos nanicos, por sua vez, reclamaram de não serem nem mesmo convidados para o debate. Cyro Garcia, do PSTU, criticou o fato de não ter participado de nenhum dos encontros, mas garantiu que “as eleições passam, mas a luta continua”, assim como Eduardo Serra, do PCB. Jefferson Moura, do PSOL, também comentou sua ausência no estúdio da TV Globo.

“Amanhã não estarei no debate, a legislação eleitoral não é democrática”, afirmou Moura, que participou de alguns encontros na televisão.

Cabral não comenta proximidade das eleições

O governador usou seu tempo no horário gratuito para falar de seus planos para municípios da Baixada Fluminense. O peemedebista citou futuros programas de saneamento básico, abastecimento de água, saúde e transporte. Mais uma vez, Cabral ressaltou a importância da integração entre os governos municipais, estadual e federal.

“Governar bem é governar com união”, disse.

    Leia tudo sobre: Eleições RJpropaganda eleitoraldespedidadebate

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG