Quércia é multado em R$ 5 mil por propaganda antecipada em SP

O candidato ao Senado pelo PMDB-SP é acusado de auto-promoção de sua candidatura em blog pessoal; Quércia ainda pode recorrer

iG São Paulo |

O Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP) aplicou nesta quarta-feira (21) uma multa de R$ 5 mil ao candidato Orestes Quércia (PMDB-SP), acusado de fazer propaganda eleitoral antecipada em seu blog pessoal.

Quércia concorre a uma das duas vagas ao Senado por São Paulo e o juiz eleitoral Mário Devienne Ferraz entendeu que o candidato infringiu a legislação ao mencionar em seu sítio pessoal informações sobre sua pré-candidatura, fora do período permitido. Para o juiz eleitoral, Quércia “desbordou dos limites do permitido até então, daí por que a conduta configurou propaganda eleitoral antecipada", disse no parecer.

Além do ex-governador de São Paulo, o deputado estadual José Carlos Vaz de Lima (PSDB) também foi condenado em R$ 5 mil pelo mesmo motivo. A representação contra o deputado foi oferecida pelo Ministério Público Eleitoral (MPE), que flagrou o parlamentar distribuindo tabelas com os jogos da Copa do Mundo com destaque para sua foto, nome, cargo e endereço de sua página na internet em vias públicas de São José do Rio Preto.

Segundo o TRE-SP, os dois candidatos ainda podem recorrer das multas.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG