PSC muda de lado e anuncia apoio a Dilma

Com isso, Dilma, que já contava com 9 minutos e 58 segundos de tempo na propaganda no rádio e na TV,terá 10 minutos e 50 segundos

Agência Estado |

O PSC anunciou hoje o apoio formal à candidatura da petista Dilma Rousseff à Presidência da República. Com isso, Dilma, que já contava com 9 minutos e 58 segundos de tempo na propaganda eleitoral gratuita no rádio e na TV, passará a ter 10 minutos e 50 segundos.

O tucano José Serra, que teria 7 minutos e 23 segundos, cairá para 6 minutos e 31 segundos, visto que o PSC havia confirmado, em maio, aliança com o PSDB. Mas a mesma decisão deixou no ar a possibilidade de a cúpula do partido mudar de lado.

Com a conquista do PSC, a campanha de Dilma conseguiu neutralizar a perda do PP, que decidiu não se coligar com ninguém, deixando de repassar seu tempo de rádio e TV - 1 minuto e 38 segundos - para a candidata petista. O PP continua a integrar o governo de Luiz Inácio Lula da Silva. Detém o Ministério das Cidades, cujo titular é Márcio Fortes.

A direção do PSC deu dois motivos para a mudança de lado: a decisão da maioria dos deputados por uma aliança com Dilma Rousseff e o fato de o nome do partido que foi ofertado para a vice de Serra, o senador Mão Santa (PI), nem ter sido levado em consideração pelo tucano.

    Leia tudo sobre: dilmapscserralulamárcio fortespp

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG