PRE-SP impugna mais 521 pedidos de candidatura

Mais uma vez, a maioria das candidaturas impugnadas se deveu à ausência de documentos exigidos pela Procuradoria Eleitoral

Agência Estado |

selo

A Procuradoria Regional Eleitoral de São Paulo (PRE-SP) impugnou na tarde de hoje mais 521 pedidos de registro de candidatura para as eleições estaduais, 16 deles de candidatos que são alvo da Lei Ficha Limpa. Os novos nomes fazem parte do segundo lote de registros divulgado na semana passada pelo Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE-SP), com 805 candidaturas.

Na primeira relação, divulgada no dia 15 de julho, a PRE-SP contestou o registro de 281 dos 705 políticos inscritos na Justiça Eleitoral. Até esta segunda-feira, já foram impugnadas 802 candidaturas, sendo 31 pelo Ficha Limpa. O TRE-SP ainda divulgará mais dois lotes até o início de agosto, com cerca de 1.400 pleiteantes.

Mais uma vez a maioria das candidaturas impugnadas se deveu à ausência de documentos necessários para habilitação para as eleições. Os candidatos alvos da Procuradoria Eleitoral não apresentaram documentos exigidos pela legislação eleitoral como a certidão criminal - motivo para impugnação, ainda que facilmente reversível.

Na lista dos vetados pela Lei Ficha Limpa, figuram o candidato a vice-governador do PSOL, Aldo Josias dos Santos, e o vice-presidente do PSDB-SP, deputado estadual João Caramez. Confira a lista de impugnados hoje pela Procuradoria Regional Eleitoral de São Paulo com base na Lei Ficha Limpa:Aldo Josias dos Santos (PSOL);  Edmir Chedid (DEM); João Caramez (PSDB); Mauro Bragatto (PSDB); Maurício de Oliveira Pinterich (PSDB); Gilberto Macedo Gil Arantes (DEM); Nézio Luiz Aranha Dartora (PSDB); Raimundo Taraskevicius Sales. Coligação (PSDB, DEM); Ataíde Souza Pinheiro (PSOL); Paulo Henrique Pastore (PTC); Ricardo Rodrigues Pereira (PC do B); Estevão Galvão de Oliveira. Coligação (PSDB, DEM); José Luis Ribeiro (PSDB); Airton Garcia Ferreira (DEM); Guilherme Campos Júnior (DEM); Renato Amary (PSDB).

    Leia tudo sobre: eleiçõessão paulojustiça eleitoralimpugnações

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG