Caio Luiz de Carvalho, presidente do Comitê Paulista para a Copa de 2014, está em Salvador para ajudar na convenção tucana

O presidente da São Paulo Turismo, Caio Luiz de Carvalho, licenciou-se do cargo e ficará afastado até outubro, quando acontecem as eleições. Até lá, ele irá acumular a presidência do Comitê Paulista para a Copa de 2014 e diversas funções na campanha presidencial do tucano José Serra.

Nesta quarta-feira, Caio de Carvalho embarca para Salvador, capital baiana, para ajudar nos preparativos da convenção nacional do PSDB. O evento está marcado para este sábado, quando Serra será lançado oficialmente à corrida presidencial.

Carvalho na abertura do 5º Salão do Turismo, em São Paulo, no último dia 26 de maio, quando se licenciou
AE
Carvalho na abertura do 5º Salão do Turismo, em São Paulo, no último dia 26 de maio, quando se licenciou

Carvalho também foi o responsável pelo aluguel da sala que abrigou o encontro de Serra com representantes dos departamentos de psiquiatria da Universidade de São Paulo (USP) e da Universidade Federal do Estado de São Paulo (Unifesp). O evento, solicitado pelo próprio tucano, ocorreu na tarde de ontem no Centro de Convenções Rebouças, na capital paulista.

Desde 2005, quando Serra era prefeito, Carvalho preside a SPTuris, empresa de capital aberto cujo maior acionista é o Município de São Paulo. Ele foi ministro do Esporte e Turismo e presidente da Embratur (Instituto Brasileiro do Turismo) no governo de Fernando Henrique Cardoso.

O Comitê Paulista para a Copa 2014 é coordenado pela SPTuris, responsável pela realização de grandes eventos na cidade, como a Fórmula 1, Parada Gay e Virada Cultural. O presidente em exercício da empresa agora é Tasso Gadzanis, ex-presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagem.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.