Polícia Federal vai investigar denúncia à Casa Civil, diz Padilha

Ministro das Relações Institucionais afirma que acusações de irregularidades na pasta serão apuradas

Ricardo Galhardo, enviado a Campinas |

O ministro das Relações Institucionais, Alexandre Padilha, disse neste sábado (18) que a Polícia Federal vai investigar as denúncias de suposta cobrança de propina envolvendo a Casa Civil publicadas hoje pela revista Veja . Ele afirmou também que não acredita que o caso afetará a campanha da candidata petista à Presidência, Dilma Rousseff . “A Polícia Federal vai investigar até o fim. Duvido que essa tática das agressões tenha algum impacto no quadro eleitoral. Todo mundo sabe que o governo Lula investiga até o fim e pune quem tiver que punir”.

Padilha disse, ainda, duvidar da veracidade das informações divulgadas pela revista e que não houve concorrência para a compra do medicamento Tamiflu. “Não teve licitação. Existe só um laboratório que fabrica este remédio no Brasil. E, na compra, o governo conseguiu uma redução de preço”.

Apesar de ter dito que o caso será investigado pela Polícia Federal, Padilha cobrou provas dos responsáveis pelas denúncias. “Quem acusa tem de provar o que diz”.

Pela manhã, a candidata petista preferiu não comentar as denúncias de Veja e afirmou que ainda não tinha tido acesso à matéria.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG