Pimentel: "Decisão é mais política que estatística"

Ex-prefeito de BH minimiza vantagem do ex-ministro Helio Costa na disputa ao governo de Minas Gerais, segundo pesquisa Vox/Band

Ricardo Galhardo, iG São Paulo |

O ex-prefeito de Belo Horizonte Fernando Pimentel (PT) minimizou a vantagem do ex-ministro das Comunicações Helio Costa (PMDB) na disputa pelo governo de Minas Gerais. Pimentel preferiu destacar o fato de que tanto ele quanto Costa tem vantagem expressiva sobre o governador Antonio Anastasia (PSDB).

“Em qualquer hipótese tanto eu quanto o Helio ganhamos do Anastasia. Isso mostra que a decisão sobre quem será o candidato do presidente Lula para o governo de Minas Gerais será mais política do que estatística”, disse Pimentel ao iG , por telefone, depois de uma reunião com partidos da base aliada em Belo Horizonte.

Segundo a pesquisa Helio Costa tem 45% contra 17% de Anastasia e Pimentel 35% contra 21% do tucano. Pimentel tem rejeição de 6%, Costa 8% e Anastasia 9%. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos.

Na reunião, da qual participaram PT, PMDB, PR, PRB e PC do B, ficou acertada a contratação de duas pesquisas de opinião que vão embasar a decisão do candidato lulista em Minas Gerais. Além disso serão ouvidos líderes políticos, políticos e parlamentares de todos os partidos. Além da preferência do eleitorado serão pesquisados rejeição, capacidade de ampliar o eleitorado e assimilar o apoio do presidente entre outros quesitos.

A decisão acontecerá até o dia 6 de junho.

    Leia tudo sobre: PimentelEleiçõesMinas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG