PF prende vereador no Amazonas

Siríaco Silva transportava R$ 88 mil em espécie e material de campanha. TRE analisa detenção

Eduardo Asfora, iG Amazonas |

O presidente da Câmara Municipal de Amaturá (a 909 km de Manaus), Siriaco Silva Gomes, foi detido pela Polícia Federal (PF), quando tentava seguir de lancha ao município, na manhã de hoje, no Porto da Panair, em Manaus, com R$ 88 mil. Com ele, a PF encontrou material de campanha de um candidato cujo nome não foi divulgado.

De acordo com Siriaco, o dinheiro apreendido ia ser utilizado para o pagamento da folha salarial dos vereadores. Mas segundo o delegado da PF que comandou a operação, Roberto Camargo, houve uma discrepância entre o valor declarado da folha, pela prefeitura, R$ 25 mil, com o que estava em posse do presidente da Câmara de Amaturá.

“O que chamou atenção foram R$ 48 mil em notas de R$ 10. Agora vamos ouvi-lo, pois ele vai ter de justificar esta quantia,” afirma. Depois do depoimento, Siriaco vai ser liberado. O caso será encaminhado ao Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE), que vai decidir se vai ser instaurado um inquérito.


    Leia tudo sobre: eleições ampf amsiríaco amprisãotre am

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG