Desafio do partido estadual é manter ¿a sintonia¿ do PV local com os eleitores que votaram na presidenciável Marina Silva

O Partido Verde de Pernambuco já estuda a possibilidade de lançar candidatos para as eleições municipais de 2012. Embalados pela “onda verde” no pleito presidencial, que teve uma considerável aceitação no Estado principalmente no Recife, a direção do partido visa mudar o quadro político local.

“Subimos de patamar. Graças à Marina Silva passamos a ser referência ideológica, programática e eleitoral”, disse Sérgio Xavier, presidente estadual do PV e candidato ao governo estadual. Xavier revelou que a maior dificuldade do partido será manter “a sintonia” do PV local com os eleitores que votaram na presidenciável Marina Silva.

Pensando em mudar essa situação, o verde afirmou que três estratégias devem ser tomadas: usar a internet como um canal de comunicação direto do partido com os eleitores, estruturar os diretórios do partido pelo Estado (especialmente nos grandes municípios) e, por fim, manter a linha independente.

“O mais importante agora é mantermos nossa independência como marca do partido. PSB/PT e PMDB são duas faces da mesma moeda e nós podemos construir algo novo, uma alternativa à polarização”, falou o segundo deputado estadual mais bem votado no Recife, Daniel Coelho (PV). Coelho também enfatizou que o PV deve construir uma candidatura para prefeito do Recife com chapa forte a vereador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.