PDT, PT e PMDB decidem em Brasília o futuro de Osmar Dias

Partidos da base aliada do presidente Lula fazem a derradeira tentativa para contar com aliança nacional no Paraná

Francisco Camargo, iG Paraná |

Uma série de encontros nesta segunda-feira, em Brasília, dos comandos nacionais do PDT, PMDB e PT, deve definir, finalmente, o quadro da disputa eleitoral no Paraná. Os partidos da base aliada do presidente Lula fazem a derradeira tentativa para contar com o senador Osmar Dias (PDT). Para o PT, Dias seria peça fundamental para uma aliança forte visando o apoio a Dilma Rousseff.

Dias e o governador do estado, o peemedebista Orlando Pessuti conversarão à noite com os presidentes nacionais do PDT, ministro Carlos Lupi, PMDB, deputado Michel Temer, PT, José Eduardo Dutra.

Com a previsão de reuniões demoradas, o resultado só deverá ser anunciado amanhã (22). Caso não saia um acordo, Dias deverá anunciar seu apoio ao Beto Richa e sua candidatura à reeleição, na vaga que permanece aberta na chapa tucana. Na convenção do PSDB realizada no último sábado, o ex-prefeito de Curitiba foi aclamado candidato e foi divulgada uma carta na qual Osmar Dias consultava a direção do PDT se poderia coligar-se ao PSDB paranaense. A reposta da liderança nacional ao senador é esperada para hoje.

Osmar Dias insiste que a sua posição respeita o estatuto do partido, possibilitando à Executiva condições de avaliar todas as possibilidades de aliança. Afinal, como diz, sua decisão foi tomada em julho do ano passado, “quando o presidente Lula disse que eu seria o candidato ao governo do Paraná formando alianças com os partidos da base do governo federal”.

Caso a tentativa de aliança fracasse, o candidato a vice de Richa poderá ser o senador Flavio Arns (PSDB). O candidato ao Senado ainda é dúvida, já que Gustavo Fruet não esconde seu descontentamento com o processo de escolha.

Em campanha
Ainda sem contar com o nome do candidato a vice e uma vaga ao Senado em aberto, Beto Richa inicia amanhã sua campanha pelo interior do estado, visitando Maringá e mais 15 municípios da região Norte. Na quarta-feira (23) à noite, o candidato ao governo participará de uma audiência pública organizada pelo PSDB e pelo Instituto Teotônio Vilela, na Câmara de Maringá.

    Leia tudo sobre: Osmar DiasOrlando PessutiBeto RichaParaná

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG