Partidos pedem punições a prefeitos que pedem votos para Dilma

DEM e PV se manifestaram contra declarações de apoio à candidata petista

iG São Paulo |

O apoio declarado à Dilma Rousseff por parte de alguns prefeitos tem colocado algumas relações políticas em saia justa. O DEM, através do presidente estadual do partido, Rodrigo Garcia, encaminhou à Executiva Estadual, nesta manhã, pedido de expulsão do partido do prefeito de Tanabi (SP), José Francisco de Mattos Neto. Já o PV de São Paulo decidiu suspender a filiação do prefeito Antonio Belini, de Itapira (SP).

O motivo que levou o DEM a pedir a expulsão de Neto foi a acusação feita pelo prefeito de Tanabi de que a administração do PSDB em São Paulo "sucateou os serviços públicos". Por isso, ele pediu votos para Dilma, segundo ele "a mais preparada para a Presidência". Garcia lamentou as declarações, as quais chamou de “injustas”, e disse ser testemunha dos investimentos do PSDB realizados na cidade de Tanabi.

O PV por sua vez não fez um pedido tão enfático, mas decidiu suspender a filiação do prefeito Antonio Belini, de Itapira (SP), em razão do apoio declarado à candidata do PT durante evento em Campinas no último dia 1°. O presidente estadual do partido, Maurício Brusadin, em comunicado público, afirmou que, constatada a infidelidade partidária, serão aplicadas as sanções previstas no Estatuto do Partido Verde, que pode acarretar na expulsão do prefeito. Brusadin afirmou que é inaceitável que membros do partido apóiem candidatos de outras legendas quando o PV tem candidatura própria à Presidência.

Essa não é a primeira vez nessas eleições que o DEM enfrenta problemas com dissidências. Em junho, o vereador Carlos Apolinário foi afastado da liderança da bancada do partido na Câmara Municipal de São Paulo. O parlamentar criou saia-justa ao anunciar apoio à candidatura do senador Aloizio Mercadante (PT-SP) à sucessão no Palácio dos Bandeirantes.

Em São Paulo, o DEM está fechado em torno do nome de Geraldo Alckmin (PSDB) ao cargo e indicou o vice na coligação, Guilherme Afif Domingos. Outro vereador do DEM, Milton Leite, também anunciou apoio a Mercadante

* Com informações da Agência Estado e do PV

    Leia tudo sobre: Dilma RousseffPTDEMeleições 2010

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG