Palanque de Serra no DF será fechado com Roriz, diz PSDB

Presidente do diretório regional tucano diz que aval para selar aliança foi dado pelo comando nacional do partido nesta madrugada

Severino Motta, iG Brasília |

O presidente do PSDB no Distrito Federal, Márcio Machado, anunciou nesta quarta-feira um acordo para selar o palanque do candidato tucano à Presidência, José Serra, com o ex-governador Joaquim Roriz (PSC). A decisão, segundo o dirigente tucano, foi tomada em uma reunião realizada na casa de Roriz, na qual estiveram presentes representantes dos principais partidos que negociam uma coligação para a disputa regional – PSC, PSDC, PT do B, PRTB, PR e PSDB.

“Todos sabem que Roriz tem eleitorado cativo e Serra não pode ignorar esse apoio”, disse Machado Depois da reunião, o ex-governador disse que espera vencer no primeiro turno e ajudar a eleição de Serra. "Eu disputo com o PT há 20 anos. Não é agora que vou ficar contra aquele que também combate o PT. Agora, José Serra tem palanque."

A decisão ocorre um dia após o comando nacional do PSDB se reunir com partidos aliados e representantes da área jurídica da campanha de Serra para debater o alcance da lei Ficha Limpa. Questionado se obteve aval da direção nacional tucana para anunciar um acordo em torno de Roriz, Machado afirmou: “O comando nacional deu aval hoje à 1h30 da manhã”, disse o dirigente.

Pelo desenho acertado ontem para a chapa, a tucana Maria de Lourdes Abadia deverá se lançar candidata ao Senado pela coligação. Roriz ainda tenta fechar o acordo com o PR para a eleição, de forma a assegurar o nome do deputado Jofran Frejat no posto de vice.

DEM

Aliado ao PSDB na esfera nacional, o DEM deve optar pelo lançamento de canidadtura própria no DF. O nome será o do deputado federal Alberto Fraga. Na disputa para o Senado, o partido deverá lançar Adelmir Santana como candidato à reeleição.

    Leia tudo sobre: Joaquim rorizJosé serra

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG