Pai do ex-governador Aécio Neves morre em Belo Horizonte

Ex-político Aécio Cunha estava internado num hospital da zona sul da capital mineira e faleceu na tarde deste domingo (03)

Eduardo Ferrari, iG Minas Gerais |

Aécio Cunha, pai do ex-governador Aécio Neves (PSDB), faleceu aos 83 anos, neste domingo (03), em Belo Horizonte, em decorrência de insuficiência hepática.

O tucano é candidato ao Senado por Minas Gerais, onde liderou todas as pesquisas de intenção de votos realizadas este ano, e também lidera a apuração dos votos que já começou a ser realizada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Minas Gerais (TRE-MG), em Belo Horizonte.

O advogado Aécio Ferreira da Cunha era natural de Teófilo Otoni, distante 450 quilômetros da capital mineira. Aécio Cunha, como era conhecido, estava internado numa UTI (Unidade de Terapia Intensiva) num hospital da zona sul de Belo Horizonte. Cunha foi duas vezes eleito deputado estadual, entre 1955 e 1963, e seis vezes deputado federal, entre 1963 e 1987.

Nota divulgada à imprensa pela assessoria da coligação do candidato ao Senado, que inclui o candidato à reeleição Antônio Anastasia (PSDB) e o ex-presidente Itamar Franco (PPS), informa que corpo de Aécio Cunha será velado na Assembléia Legislativa do Estado de Minas Gerais, a partir das 7h desta segunda-feira (04). Além disso, a nota também diz que o governador Antonio Anastasia assinará decreto de luto oficial por três dias em todo o estado.

    Leia tudo sobre: Eleições MG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG