No Maranhão, Dino aguarda posicionamento da Justiça sobre eleição

Deputado federal agradeceu votação obtida no Estado e alegou que dará maior contribuição como oposicionista

Wilson Lima, iG Maranhão |

Em seu primeiro pronunciamento na Câmara dos Deputados após as eleições de 3 de outubro, o ex-candidato ao governo do Maranhão Flávio Dino (PCdoB) afirmou que aguarda o “posicionamento” da Justiça e do Ministério Público Eleitoral do Maranhão (MPE), sobre aquilo que ele chamou de graves irregularidades no processo eleitoral maranhense.
A ex-coligação de Dino entrou com várias representações no MPE pedido investigações sobre situações consideradas atípicas pelo departamento jurídico do ex-candidato. Entre as quais, o número excessivo de votos registrados após as 17h30 e fatos ligados a indícios de abusos de poder político e econômico que, na visão do departamento jurídico de Dino, teriam sido cometidos pela ex-coligação da governadora reeleita Roseana Sarney.
No seu discurso na Câmara, Dino declarou que travou “uma disputa desigual” e afirmou que “havia um movimento nacional pela mudança” no Maranhão. “Eu de minha parte, darei a maior colaboração que um oposicionista pode dar, que é a fiscalização, a cobrança respeitosa, incisiva desses compromissos”, disse Dino.
A governadora do Maranhão, Roseana Sarney (PMDB), foi reeleita em primeiro turno com 1.459.792 votos ou 50,08% do total. Dino teve 859.402 votos no Estado ou 29,49% do total. Por 4,8 mil votos, as eleições no Estado não foram para o segundo turno.

    Leia tudo sobre: eleições madino

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG