Na ausência de polêmicas, candidatos criticam regras do debate

Tempo e regras rígidas foram as principais queixas dos políticos para com o debate da Band

Ana Carolina Dias, iG Pernambuco |

Nos bastidores do debate da Band, ocorrido nesta quinta-feira (12), o clima era de dever cumprido. Apesar de as críticas terem sido focadas no governo de Eduardo Campos, nas entrelinhas, os candidatos ao governo do Estado elogiaram a diversificação do debate, porém com queixaram-se em relação às regras do debate, classificadas como ‘burocráticas’.

Agência Estado
Jarbas Vasconcelos (PMDB) e Eduardo Campos (PSB) conversam momentos antes do debate no Recife
Jarbas Vasconcelos (PMDB) qualificou o debate como ‘excelente’, mas ressaltou em seguida: “Porém, sempre existem falhas”. O senador peemedebista prevê que com regras menos burocráticas, o rendimento seria melhor. “Precisamos de debates mais flexíveis. Com essa forma burocrática não conseguimos mostrar, nem se sentir à vontade para fazer considerações mais consistentes”. Questionado sobre o desempenho de seu principal adversário, o peemedebista não titubeou em criticar a postura do rival. “As respostas de Eduardo não me satisfizeram. Esperava que ele desse respostas mais convincentes”.

Já o alvo de todas as críticas da noite, Eduardo Campos, classificou o debate como uma boa oportunidade para disseminar o cerne de ideias, mas não deixou de tecer críticas ao tempo disponibilizado. “Dei respostas claras sobre as colocações expostas. Estou fazendo uma campanha limpa. Esse governo tem o direito de ter mais quatro anos para poder consolidar o que está fazendo muito bem”, completou o candidato.

Para Sérgio Xavier, candidato ao governo pelo Partido Verde (PV), o debate foi diferenciado. “A proposta de um debate é a diversificação. É o momento em que se podem mostrar outras propostas que não compactuem com a mesmice de Eduardo e Jarbas”. O concorrente ao governo pelo PSOL, Edílson Silva, mesmo usando outras palavras, disse a mesma coisa que o verde. Edílson afirma que esse debate conseguiu jogar luz para um outro olhar. “O debate não ficou tão central, apenas no eixo Eduardo-Jarbas”.

    Leia tudo sobre: eleições PEdebateBand

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG