Moreira conversa hoje com Salvatti e Temer em Brasí­lia

Pré-candidato do PMDB continua articulação de campanha às vésperas de convenção nacional

Gabriel Costa, iG Brasília |

O presidente estadual e pré-candidato do PMDB ao governo de Santa Catarina, Eduardo Pinho Moreira chega hoje a Brasília, na véspera da convenção nacional do partido, para dar continuidade à articulação de alianças para as eleições de outubro.

Ainda pela manhã, Moreira deve conversar com a senadora petista Ideli Salvati, também pré-candidata ao governo, a respeito da possível aliança entre os diretórios catarinenses de ambos os partidos, visando ao segundo turno. Ontem, o atual governador de Santa Catarina, Leonel Pavan, visitou Ideli no Hospital Sarah Kubitschek. A senadora está em repouso após uma infiltração com antiinflamatório no nervo ciático em função de uma hérnia de disco na lombar.

Pavan e Moreira tiveram reunião na noite de quarta na na Casa d’Agronômica, residência oficial do governador de Santa Catarina. O tucano teria proposto ao pré-candidato do PMDB a vaga de vice em uma chapa conjunta ao governo, oferta que não soou agradável aos ouvidos de Moreira. O pré-candidato peemedebista manteve uma agenda intensa de negociações voltadas para sua candidatura esta semana.

O terceiro nome da já descartada tríplice aliança de DEM, PMDB e PSDB em SC, Raimundo Colombo, disse ontem em entrevista ao programa Conexão da Tarde, na rádio Guarujá, em Florianópolis, que Moreira foi fator determinante para que as negociações entre os três partidos não fossem adiante. “Ele é candidato e ao mesmo tempo não fecha a porta para uma coligação. Ao mesmo tempo, eu também sou candidato e, consequentemente, ficamos nesse impasse", afirmou.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG