Mercadante sugere PAC paulista

Candidato disse a representantes da construção civil e do mercado imobiliário que o Estado de SP se beneficiaria com o PAC

Agência Estado |

selo

Depois do Minha Casa Minha Vida, o candidato petista ao governo de São Paulo, Aloizio Mercadante, sugere um Programa de Aceleração do Crescimento para o Estado, o PAC Paulista. Mercadante falou, hoje, a representantes da indústria da construção civil e do mercado imobiliário, em encontro no Instituto de Engenharia, na zona sul da capital.

De olho no poder de influência do setor, um dos mais pujantes da economia na capital e interior, Mercadante tentou convencê-los de que, em uma eventual vitória de Dilma Rousseff (PT) à Presidência, São Paulo se beneficiaria mais dos programas federais, como o PAC e o Minha Casa Minha Vida, se tiver um governador do mesmo partido.

Com grande fatia dos investimentos alocados para a urbanização de favelas, o PAC - assim como o Minha Casa Minha Vida, que tem foco na oferta de habitação para a baixa renda - destinam milhões dos cofres públicos em financiamento para as mãos da iniciativa privada. "Nós mostramos que sabemos fazer em nível federal e toda a experiência que a gente adquiriu a gente quer trazer para São Paulo", disse o candidato, em discurso. "Acho que precisamos mesmo em São Paulo é de um PAC Paulista".

    Leia tudo sobre: Aloizio MercadantePTPACMinha casa minha vidaSP

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG