Marina faz palestra para empresários em São Paulo

Pré-candidata do PV quer Constituinte para reformas "importantes" e avalia como "um bom começo" 3º lugar nas pesquisas

Mariana Castro, iG São Paulo |

Em palestra a integrantes do Lide - Grupo de Líderes Empresariais, a pré-candidata do PV à Presidência, Marina Silva, disse que irá criar uma Assembleia Constituinte exclusiva para as "reformas importantes" para o País, como a tributária e a trabalhista. Segundo a senadora, até hoje nenhum governo conseguiu dar prosseguimento a essas reformas. O evento ocorreu no hotel Grand Hyatt, em São Paulo.

AE
Marina e o empresário João Doria Jr., do Lide
Acompanhada do seu pré-candidato a vice, Guilherme Leal, dono da Natura, Marina respondeu perguntas dos empresários. A candidata falou de temas como privatizações, reforma agrária, Belo Monte, ética e meio ambiente.

Marina comentou ainda sobre aspectos dos governos de Lula e Fernando Henrique Cardoso. Referiu-se ao Bolsa Família como um avanço em termos de política social, mas insuficiente. E avaliou a política de Lula no combate à corrupção. “Houve erros graves no governo, que devem ser investigados e punidos. Mas nunca se investigou tanto. Muitas coisas vieram à tona graças a isso”. Marina também citou as privatizações realizadas no governo de FHC. Para ela, foram acertadas, embora o processo tenha sido pouco transparente.

De forma cautelosa, a pré-candidata comentou sobre o acordo assinado entre Brasil, Irã e Turquia , nesta segunda. Ela diz que é preciso esperar. "Se o acordo prosperar, é positvo. Mas a estratégia do Irã é ganhar tempo e já deixou de cumprir outros acordos". Sobre política internacional, Marina ressaltou que no que se refere a direitos humanos, não se pode relativizar.

Pesquisa

Sobre o levantamento CNT/Sensus divulgado hoje, em que aparece com 7,3% das intenções de voto, a senadora afirmou que não pode apenas se preocupar com pesquisas. "É apenas o começo, um bom começo", disse. Marina considera positivo o desempenho porque ainda é pouco conhecida do eleitor.

Veja a opinião da candidata sobre alguns temas, em resposta aos empresários:

Privatizações
Sou a favor de um modelo misto. Há situações em que se pode recorrer a uma parceria público-privada e outras em que o Estado não pode se ausentar. Sou a favor das privatizações feitas por FHC. Foram acertadas. Tanto que o Lula não revogou nenhuma. Minha ressalva é que faltou transparência no processo.

Reforma agrária
A luta pela terra é legítima, os movimentos a favor da reforma agrária são legítimos, desde que estejam democraticamente organizados. Desde que ninguém extrapole o estado democrático de direito.

Belo Monte
A construção da hidrelétrica de Belo Monte vem sendo debatida há anos. Há ali um potencial de energia para suprir as necessidades de um Brasil que cresce. Mas vejo um problema que é o da viabilidade econômica do próprio empreendimento. Apesar do governo se dispor a bancar boa parte, muita gente não quis participar do leilão. Diante de tantas incertezas, sou a favor da suspensão do leilão, para que os problemas de Belo Monte possam ser resolvidos.


Ética e combate à corrupção
Todo o partido tem um mensalão para chamar de seu. Ética não pode ser apenas bandeira de campanha. A questão deve ser a ética dos valores. Eu tratarei da ética como um processo de retroalimentação. Quanto mais você tem na sua vida pessoal, mais você tem na vida pública. Além disso, um governo deve ser transparente e dar autonomia para as instituições. No governo Lula houve erros graves, que devem ser investigados e punidos. Por outro lado, nunca se investigou tanto, muitas coisas vieram à tona por causa disso. Justiça seja feita.


Controle social da mídia
Se você entende controle social da mídia como censura, eu sou contra. Se isso significa reflexão sobre informações que chegam a muita gente, o debate é importante.


Segundo turno (sobre apoiar Dilma ou Serra)
Segundo turno será discutido no segundo turno. Isso se não vencermos no primeiro turno.

    Leia tudo sobre: marinalideeleições 2010

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG