Marina cancela agenda para se preparar para o debate na TV

A preparação inclui consultas com fonoaudióloga, um preparador corporal e muita conversa com o marqueteiro informal de campanha

Rodrigo Rodrigues, iG São Paulo |

Concentrada no debate que acontece nesta quinta-feira, na TV Bandeirantes, a candidata do PV à Presidência, Marina Silva, cancelou sua agenda pública da manhã desta quarta para se dedicar integralmente ao embate com Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB).

A candidata visitaria hoje a Associação PIVI (Projeto de Incentivo à Vida), entidade que abriga crianças em situação de risco social e também desenvolve projetos na área de educação e inclusão, mas cancelou a agenda para se trancar no estúdio da Vila Madalena, em São Paulo, e acertar os últimos detalhes de como deve se comportar diante das câmeras de TV.

Agência Estado
A candidata do PV à Presidência da República, Marina Silva, concede entrevista coletiva na Sala Crisantempo, no bairro da Vila Madalena, em São Paulo
A preparação da candidata inclui consultas com uma fonoaudióloga e uma preparadora corporal, além de consultas com seu marqueteiro informal, Paulo de Tarso, e o coordenador geral da campanha, João Paulo Capobianco.

O partido montou na Vila Madalena um cenário idêntico ao do debate, com bancada e em pé, onde a equipe de Marina tenta simular a atmosfera do embate, inclusive com possíveis perguntas mais embaraçosas, que podem ser feitas para a candidata durante o programa na Bandeirantes.

A preparação começou por volta das 11h00 e deve seguir até 21h00. A candidata também deve testar a melhor roupa e maquiagem para usar no evento de logo mais.

Segundo fontes do PV, Marina deve passar o dia de amanhã todo lendo números do País, além de se aprofundar nas propostas de seu plano de governo. O maior desafio para a candidata, segundo as mesmas fontes, é conseguir sintetizar o discurso e as propostas da campanha no curto espaço de tempo entre cada resposta no debate, que é de apenas dois minutos.

Estratégia

Decidida a não fazer ataques aos candidatos, a própria Marina declarou na tarde de ontem que pretende fazer um debate de ideias e propostas, “sem o jogo rasteiro das ofensas”, disse ela.

Os debates na TV são as principais apostas de Marina e do PV para essa campanha presidencial. Com pouquíssimo tempo de programa eleitoral (cerca de um minuto e meio por dia), a candidata quer fazer dos embates na televisão a oportunidade para ser conhecida do eleitorado. “É uma oportunidade de mostrarmos o diferencial do nosso projeto de governo e apresentar propostas claras que resolvam o problema da Educação, da Saúde e da Segurança. Tudo isso integrado à preservação do meio ambiente”, afirmou a candidata no encontro com empresários na manhã de ontem, em São Paulo.

Na tarde desta quinta-feira, a Marina fez uma rápida pausa na preparação para atender a imprensa. Ela respondeu apenas uma pergunta sobre o apoio de Fernando Gabeira, candidato do PV no Rio, à candidatura do adversário José Serra (PSDB). Para a presidenciável, Gabeira já deu diversas demostrações de apoio a ela e não há dúvidas sobre seu apoio ao projeto do Partido Verde.

    Leia tudo sobre: Eleições MarinadebateTV Bandeirantespreparação

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG