Lula, Dilma e Alencar reaparecem no programa de Hélio Costa

Principais cabos eleitorais do candidato gravam depoimentos para o horário eleitoral para tentar barrar crescimento de Anastasia

Eduardo Ferrari, iG Minas Gerais |

A propaganda eleitoral do candidato ao Governo de Minas Hélio Costa (PMDB) trouxe uma novidade nesta segunda-feira (13). Quem assistiu aos programas na TV viu novos depoimentos de Dilma, José Alencar e Lula a favor da chapa do peemedebista.

Mas ao invés da prometida nova gravação de Lula o lado de Costa, que teria sido feita em Brasília na quinta-feira (09), o depoimento do presidente foi recuperado do recente comício, realizado em 8 de setembro, na divisa entre as cidades de Betim e Contagem, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Tanto a realização do comício quanto os novos depoimentos teriam sido realizados como uma estratégia de barrar o crescimento do principal adversário de Costa ao governo de Minas, o governador e candidato à reeleição Antônio Anastasia (PSDB), que também tem usado em sua estratégia o depoimento e as aparições do ex-governador Aécio Neves (PSDB), candidato ao Senado e considerado um dos principais “eleitores” do estado. Na pesquisa Datafolha divulgada neste sábado (11), o candidato do PMDB ao governo de Minas Gerais, Hélio Costa, aparece com 39% das intenções de voto, seguido por Antônio Anastasia (PSDB), com 36%, tecnicamente empatados já que a margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos.

O programa eleitoral também apresentou uma nova abertura e agora é identificado como o programa “Hélio + Patrus + Dilma”. Um novo depoimento da candidata à Presidência Dilma Roussef (PT) também foi recuperado durante o comício e apenas o vice-presidente José Alencar, ausente durante o evento, apareceu em gravação de estúdio.

Durante o comício, o presidente Lula afirmou que o “melhor para Minas e para o Brasil” é ter a parceria dos governos Federal e estadual. “Quem pode ajudar Dilma? (repetiu a pergunta três vezes) Quem vai construir uma parceria sólida com Dilma? Somente o nosso ‘companheiro’ Hélio Costa pode construir um projeto em parceria com o Governo Federal que irá trazer o melhor para o Estado”, disse Lula.

Em seu depoimento, Dilma afirmou que a presença de Hélio Costa no governo estadual irá ajudar a resolver os “problemas” de Minas. José Alencar encerrou sua participação dizendo que os mineiros têm muita sorte de ter Hélio e Patrus na mesma chapa e porque eles irão governar com a “benção” de Lula e Dilma.

    Leia tudo sobre: Eleições MG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG