Lista do MPE pode impugnar 42 candidaturas no Ceará

Marcelo Silva e Cláudio Vale Vieira, candidato a vice-governador na chapa de Lúcio Alcântara, podem ter candidaturas comprometidas

Lauriberto Braga, iG Ceará |

A lista com pedidos de impugnação dos candidatos políticos do Ceará enviada ao Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE-CE) pode prejudicar a candidatura de Marcelo Silva (PV) ao governo do Estado. Silva responde no Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) a processos de sua gestão na prefeitura de Maranguape, região metropolitana de Fortaleza. O candidato afirma que já encaminhou sua defesa e que não teme pela impugnação.

Além de Silva, outro possível impugnado é o candidato a vice-governador na chapa de Lúcio Alcântara, Cláudio Vale Vieira (PPS). Ele não responde a processos no TCM mas tem dupla filiação: PPS e PSDB. O Procurador Regional Eleitoral, Alessander Sales, responsável pela entrega da lista ao TRE-CE, pediu a anulação das duas filiações o que impediria a candidatura de Vale Vieira. A assessoria jurídica do candidato a vice informa que já havia pedido a desfiliação do PSDB e que ele é filiado ao PPS.

Na lista dos 13 candidatos a deputado federal estão três já deputados:
Eugênio Rabelo (PP), José Gerardo Arruda (PMDB) e Marcelo Teixeira (PR). Entre os 27 postulantes a deputado estadual estão quatro deputados que tentam reeleição: Ana Paula Cruz (PMDB), Raquel Marques (PT), Antônio Granja (PSB) e Carlomano Marques (PMDB). Todos na lista de impugnação prometem apresentar defesa na Justiça Eleitoral.

    Leia tudo sobre: MPECeará

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG