Justiça veta inserção de Serra com dado eleitoral incompleto

Pesquisa de intenção de votos foi divulgada no programa tucano sem deixar claro o período de sua realização e a margem de erro

Agência Estado |

selo

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) suspendeu a veiculação de uma inserção de rádio e TV exibida ontem pela campanha do candidato do PSDB à Presidência da República, José Serra . Segundo o ministro Joelson Dias, que julgou o pedido de suspensão proposto pela coligação de Dilma Rousseff (PT), a inserção divulgou resultado de pesquisa de intenção de votos sem deixar claro o período de sua realização e a margem de erro.

Em seu pedido, a coligação de Dilma informou que as legendas da inserção veiculada na televisão não estavam legíveis, o que não permitia que o telespectador pudesse identificá-las. Já no rádio, a coligação afirmou que não havia qualquer menção aos dados de realização da pesquisa, pois foi reproduzido o áudio da propaganda em televisão. Após analisar o pedido, o ministro suspendeu a veiculação da inserção até que sejam informados, com clareza, os dados exigidos pela legislação.

    Leia tudo sobre: eleições serraeleições dilmapleito 2010TSE

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG