O ex-ministro e candidato ao governo contestou hoje o resultado divulgado pelo Ibope, que mostra o crescimento de Anastasia

O ex-ministro e candidato ao governo de Minas Gerais pelo PMDB, Hélio Costa, afirmou que o resultado das pesquisas são incoerentes e pediu que os eleitores desconfiem dos levantamentos.  O candidato fez campanha na cidade de Uberaba, cidade do Triângulo Mineiro, na manhã deste sábado (28). Durante a visita, Costa inaugurou o seu comitê no centro da cidade.

Hélio Costa cumprimenta eleitores em Uberlândia, no Triângulo Mineiro
Agência Estado
Hélio Costa cumprimenta eleitores em Uberlândia, no Triângulo Mineiro

“Dada essa confusa variação dos resultados apresentados pelos institutos de pesquisa, fica difícil para o eleitor ter a real dimensão do quadro eleitoral. Eu poderia dizer aos eleitores que acreditem na maioria das pesquisas, que colocam a minha candidatura disparada na frente. Mas não o farei", afirmou. Em seguida, Hélio Costa pediu ao eleitor que não acredite nas pesquisas. "Sugiro ao eleitor mineiro que, mineiramente, desconfie de todas as pesquisas”.

Na última sexta-feira, o Datafolha apontava Hélio Costa, que é apoiado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e pela presidenciável petista, Dilma Rousseff, na liderança com 14 pontos de vantagem em relação ao segundo colocado, Antonio Anastasia (PSDB). Já o Ibope divulgado neste sábado dá empate técnico, com vantagem para o tucano.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.