Kátia Abreu teria dito em programa do horário eleitoral que candidato ao governo do Tocantins não construiu nenhuma casa

O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do Tocantins concedeu ao governador e candidato à reeleição, Carlos Gaguim (PMDB), mais 1 minuto e 44 segundos como direito de resposta no programa de TV da coligação “Tocantins Levado a Sério,” informou a assessoria do peemedebista no início da noite de hoje.Antes, Gaguim ganhará direito de resposta no rádio.

Com a decisão, Gaguim contestará afirmação da senadora Kátia Abreu (DEM), aliada do ex-governador e candidato à reeleição Siqueira Campos (PSDB). O desembargador Daniel Negry, do TRE, entendeu que Kátia fez “afirmações inverídicas” sobre o programa habitacional do Governo.

“O cargo de senadora ocupado pela Sra. Kátia Abreu permite-lhe ter conhecimento inequívoco de que essas casas estão sendo construídas, perpetrando dessa maneira, a ideia de que suas afirmações foram sabidamente inverídicas, um dos requisitos básicos para enquadramento no art. 58 da Lei nº 9.504-97”, relatou Negry nos autos, conforme a assessoria de Gaguim.

A senadora do Democratas, ainda de acordo com a nota da assessoria do peemedebista, teria dito no programa de TV do dia 23 de agosto “que nenhuma casa foi construída pelo atual governo, fato contestado pela coordenação jurídica da coligação Força do Povo, que apresentou à Justiça Eleitoral as provas documentais das casas já construídas e todas as que estão em construção.”

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.