Gaguim descarta demissão

Candidato diz na OAB que Tocantins tem ¿22 mil servidores e que nenhum é fantasma¿

Gilson Cavalcante, iG Tocantins |

O governador do Tocantins e candidato à reeleição Carlos Gaguim (PMDB) informou nesta sexta-feira “que vai ingressar com medida judicial junto ao Ministério Público (MP) para que sejam apuradas as denúncias” segundo as quais “a promotora de Justiça. Marilúcia Leandro Uchoa Siqueira Campos é funcionária fantasma.Ela não frequenta o órgão onde está lotada,” assegurou.

Marilúcia é casada com o adversário de Gaguim na disputa pelo governo, Siqueira Campos (PSDB). “Siqueira não tem moral para exigir a demissão dos servidores comissionados,” disse Gaguim, em entrevista à Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-TO).O candidato assegurou que não vai demitir funcionários públicos.

“Todos os meus servidores estão trabalhando, ninguém é funcionário fantasma. Os 22 mil servidores públicos do Estado não são fantasmas.” Gaguim disse que ao assumir o governo “extinguiu mais de 10 mil cargos.Três meses depois enxuguei mais duas mil vagas. Já chamamos mais de 4 mil aprovados no concurso da Saúde e Educação.Trabalhando dentro da Responsabilidade Fiscal,” enfatizou.

Propostas

No campo das propostas, declarou aos representantes da OAB que vai “fortalecer os municípios com investimentos em infraestrutura e resultado da industrialização do Estado. Quando assumi o governo, 90% dos municípios não tinham nem ambulância. Hoje consegui entregar todas as ambulâncias”.

Gaguim disse ainda que “não quer ver ninguém desempregado. O governo não pode ser o único empregador”. Revelou que em um eventual segundo mandato “a geração de emprego estará garantida. Entre janeiro e agosto de 2010 meu governo gerou mais de 9 mil empregos, contra 425 empregos gerados” por Siqueira “em todo o ano de 2002,” comparou.


    Leia tudo sobre: eleições togaguim tosiqueira toservidor público

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG