Gabeira não encontra problemas para panfletar na Rocinha

Candidato do PV ao governo do Estado do Rio fez corpo a corpo na favela, onde conversou com moradores e encontrou adversários

Paula Daibert, iG Rio de Janeiro |

Depois de denúncias sobre a formação de curral eleitoral na Rocinha, encaminhadas à Justiça Eleitoral do Rio de Janeiro, o candidato do PV ao governo estadual, Fernando Gabeira, fez corpo a corpo na comunidade da capital fluminense neste domingo (12) e disse não ter encontrado dificuldades para panfletar junto aos moradores.

Durante a caminhada por uma feira livre, no Largo do Boiadeiro, a comitiva de Gabeira passou por um grupo de pessoas que cantavam o jingle do candidato a deputado estadual André Lazaroni (PMDB), apontado como sucessor do vereador Claudinho da Academia, morto em junho . Os simpatizantes vestiam uma camisa em sua homenagem. Claudinho foi denunciado pelo Ministério Público por ameaça a eleitores na favela e também era investigado sobre ligações com o tráfico de drogas.

Em conversa com a imprensa, Gabeira assegurou não ter enfrentado problemas. O verde cruzou ainda com o candidato a deputado federal Júlio Lopes (PP), que também fazia campanha. Em seu percurso, Gabeira cumprimentou eleitores e fez uma breve visita a uma Unidade de Pronto Atendimento 24h (UPA). “Não há pediatras”, disse. “[A UPA] está limpa, bem montada, mas sem a essência, que são os médicos”, criticou.

O candidato aproveitou a campanha na Rocinha para voltar a criticar as políticas de segurança pública do governador Sérgio Cabral (PMDB), seu principal adversário e candidato à reeleição. Segundo o verde, o atual governo levou a polícia para algumas comunidades e obras sociais e de infraestrutura para outras, como a Favela de Maguinhos e o Complexo do Alemão (zona norte), além da Rocinha. “Exatamente nessas três [comunidades] o tráfico se manteve”, assegurou.

Outros candidatos

Neste domingo, Sérgio Cabral não cumpriu agenda de campanha. Já o candidato do PR ao governo, Fernando Peregrino, participou de duas carreatas, uma na Cidade de Deus, zona oeste do Rio, e outra no município de Belford Roxo, na Baixada Fluminense. À noite, ele se reunirá com líderes das favelas Parque Alegria e Chatuba, no Caju, zona norte do Rio.

Cyro Garcia, do PSTU, fez campanha na Quinta da Boa Vista, em São Cristóvão, zona norte, e Jefferson Moura (PSOL) pediu votos em Copacabana (zona sul) e em Niterói, na Região Metropolitana.

    Leia tudo sobre: pleito 2010eleições RJfernando gabeira

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG