Exército, PF e PMs monitoram eleições

Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins informa que 5,5 mil militares manterão a ordem nas zonas eleitorais

Gilson Cavalcante, iG Tocantins |

O presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins (TRE-TO), José de Moura Filho, informou que um contingente de aproximadamente 5.500 policiais militares estará de prontidão neste domingo (3) para fazer a segurança das eleições no Tocantins. A operação envolve policiais federais, militares e civis, com o reforço do Exército.

A Justiça Eleitoral pôs 740 servidores à disposição para esse trabalho. “As forças federais virão para somar com o trabalho de segurança realizado pelas forças estaduais,” acrescentou o presidente do TRE.

Cerca de 600 militares do Exército farão o reforço da segurança em algumas cidades e aldeias indígenas no Estado, como Palmas, Araguaína, Gurupi, Colinas, Goiatins, Paraíso, Porto Nacional, Tocantínia, Itacajá e Miracema, a pedido do TRE.

“O Exército vem juntar-se aos órgãos de segurança pública estadual e federal, com o principal objetivo de garantir o direito de voto aos eleitores dos municípios requisitados pelo tribunal,” informou o Comandante do 22º Batalhão de Infantaria e da Operação Eleições 2010.

Legalidade

Segundo o comandante, os militares do Exército foram preparados “dentro dos princípios da legalidade, justiça e cumprimento de missão. “Seja nos grandes centros ou nas aldeias, o Exército, sob a orientação da Justiça Eleitoral somará esforços para que as eleições transcorram da melhor forma possível.”

O início de deslocamento da tropa para os locais planejados começou ontem. A Ouvidoria Regional Eleitoral TRE pôs a disposição dos eleitores uma linha telefônica (63-3216-6969) de plantão 24h para atender a população e receber denúncias de irregularidades em campanhas e durante as eleições.

As denúncias também podem ser feitas pessoalmente aos juízes e promotores eleitorais. Dois candidatos disputam o governo do Estado: Carlos Gaguim (PMDB), pela coligação “Força do Povo” e Siqueira Campos (PSDB), da “Tocantins Levado a Sério.”

    Leia tudo sobre: eleições toforças de segurançatre toexércitopms

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG