Evangélicos consagram poder em Pernambuco

Representantes da Assembleia de Deus são eleitos com mais de 100 mil votos

Thaisa Lisboa, iG Pernambuco |

A Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) vai ter dois representantes de um eleitorado forte no Estado: os evangélicos. O deputado estadual Pastor Cleiton Collins (PSC), candidato à reeleição, foi o mais votado com 137.157 votos. Em segundo lugar, está o Presbítero Adalto (PSB) com 120.175 votos.

O representante da Assembleia de Deus de Barra de Jangada, região metropolitana do Recife, Pastor Cleiton Collins creditou a sua vitória aos seus projetos ligados a recuperação de viciados em drogas. “Tudo isso é fruto de quatro anos de muito trabalho, oportunidades que Deus vem abrindo. Fiz o projeto de lei que estabelece a fixação de placas nos grandes eventos públicos alertando sobre o mal que as drogas fazem, lutei pela abertura de um conselho estadual capaz de receber verbas federais principalmente no combate ao crack”, disse Collins e complementou: “Agora, vamos fazer um projeto em cima da inclusão social para profissionalizar os jovens ex-viciados.”

Por sua vez, o novato nas eleições, Presbítero Adalto, do templo central da mesma igreja que Collins, revelou que não esperava o resultado. “Fiquei surpreso. Foi a primeira vez que o pastor presidente da Assembleia de Deus, Aílton José Alves, abriu essa possibilidade de representar a igreja (em eleições)”, afirmou. A presença do Presbítero Adalto no cenário político pernambucano consagra o sucesso da estratégia eleitoral da Assembleia de Deus. Tanto Adalto quanto o Pastor Eurico (PSB) - quinto colocado na disputa à Câmera Federal - são os primeiro postulantes “oficiais” lançados pela igreja em um pleito.

    Leia tudo sobre: eleições peevangélicos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG