Rio: protesto contra reajuste de passagem de ônibus vai até a Central do Brasil

Por Agência Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Manifestantes pediam com gritos de guerra a suspensão do reajuste da passagem de ônibus

Agência Brasil

Movimentos sociais fazem passeata em protesto contra o aumento do preço das passagens de ônibus (09/01/2015)
Fernando Frazão/ Agência Brasil
Movimentos sociais fazem passeata em protesto contra o aumento do preço das passagens de ônibus (09/01/2015)

Manifestantes que  protestam contra o aumento das passagens de ônibus urbanos no Rio de Janeiro saíram em passeata da Cinelândia, no centro do Rio, após uma votação para decidir qual o percurso da marcha, que reúne duas mil pessoas, segundo membros do Movimento Passe Livre (MPL) e 800 de acordo com policiais militares que acompanham a caminhada.

Os participantes decidiram seguir pela Rua Araújo de Porto Alegre, e, de lá, entrar na Rua Primeiro de Março, para, então caminhar até a Avenida Presidente Vargas e a Central do Brasil. O percurso foi proposto pelo próprio Movimento Passe Livre, e derrotou o que pretendia passar pela Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro e terminar na Estação das Barcas da Praça XV.

Na passeata, os manifestantes gritam contra o aumento da passagem e contra os governos municipal e estadual. Cerca de 200 policiais militares acompanham o ato e se posicionam ao redor da manifestação, que ocupa a Rua Araújo Porto Alegre em área equivalente a dois quarteirões.

Leia tudo sobre: igrjmanifestaçãoMPLRio de Janeiro

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas