Esperar vitória no 1º turno não é 'prudente', diz Dilma

"A pesquisa mostra uma tendência, mas não dá para dizer que isso vai se confirmar", diz candidata

AE |

A candidata do PT à Presidência, Dilma Rousseff, afirmou que viu com otimismo o resultado da última pesquisa Vox Populi de intenções de voto, divulgada na véspera pela Rede Bandeirantes. No levantamento, a petista abriu cinco pontos porcentuais sobre seu principal adversário na corrida eleitoral, José Serra (PSDB).

Mas Dilma avaliou que ainda não é "prudente" acreditar na chance de vencer as eleições no primeiro turno. "A pesquisa mostra uma tendência, mas não dá para dizer que isso vai se confirmar", minimizou. "Não se sobe em salto alto."

Em entrevista concedida à Rádio Cacique AM, de Sorocaba (SP), a presidenciável reafirmou que, caso eleita, dará continuidade aos programas iniciados pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mas salientou que fará um governo "com muitos diferenciais" ao do atual mandatário do Palácio do Planalto. A candidata do PT não explicou as eventuais diferenças, dizendo apenas que o governo do PT criou um "novo patamar" que torna possível avançar.

E, ao falar do governo, criticou o PSDB. "Quando chegamos ao governo, em 2003, recebemos o Brasil com inflação descontrolada, éramos devedores do Fundo Monetário Internacional (FMI) e não tínhamos dinheiro para fazer face à crise que estava acontecendo", listou Dilma. "A situação hoje é diferente. Temos US$ 250 bilhões de reservas em moeda forte e, em vez de sermos devedores, somos credores do FMI."

Perguntada, Dilma afirmou que dará continuidade ao programa Bolsa-Família "enquanto for necessário" e acrescentou que integrará o benefício com oportunidades de educação profissional e oferta de microcrédito. A candidata do PT também afirmou que ampliará a meta do programa Minha Casa, Minha Vida de construir um milhão de casas. "Vamos construir mais 2 milhões de residências", afirmou.

A presidenciável caracterizou ainda o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), uma de suas vitrines eleitorais, como "um sucesso". "Só em maio, investimos R$ 3 bilhões no PAC, em luz elétrica, gasoduto e outros projetos."

No final da entrevista, Dilma disse ter ficado impressionada com o desempenho "dos nossos meninos" no jogo do Brasil contra o Chile, pelas oitavas de finais da Copa do Mundo. "O Brasil jogou uma beleza contra o Chile!", comentou. A candidata do PT ainda deu seu palpite sobre o placar da partida contra a Holanda, na sexta-feira (2). "Espero que o placar seja 2 a 0 ou 3 a 0", arriscou. "Gosto muito de ganhar bolão", afirmou, arrancando risos dos jornalistas.

    Leia tudo sobre: dilmavox/populi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG