Empregos em construção civil é mérito do governo, diz Souto

Candidato democrata afirma que a política petista baiana não desenvolveu o setor e desvalorizou produção industrial

Aura Henrique, iG Bahia |

Paulo Souto, candidato democrata ao governo da Bahia, contestou, nesta segunda-feira (16), em encontro com empresários da construção civil, o número de empregos gerados na gestão petista no Estado, cerca de 43 mil. Para Souto, os postos de trabalho, na verdade, são fruto de medidas federais, como a maior oferta de crédito imobiliário, o alongamento de prazos de financiamento, obras do PAC e programas de habitação, como o Minha Casa Minha Vida.

Agência Estado
Para Paulo Souto, candidato democrata ao Estado da Bahia
Ainda segundo o candidato, o acréscimo de 42.913 vagas de trabalho no período de 2007/2010 na construção civil é ainda maior do que o incremento total de 33.283 novos empregos formais ocorridos na Bahia. “Houve queda na oferta de empregos nas indústrias de transformação e extrativa, e também no comércio. A pujança atual da construção civil em nosso Estado foi o que compensou as perdas de postos de trabalho em outros setores.

“O atual governo faz propaganda dos empregos a mais gerados, mas o aumento não se deu por causa de nenhuma política desenvolvida por ele”, afirmou o postulante ao Palácio de Ondina. Para embasar sua afirmação, Souto usou dados do Cadastro Geral de Emprego e Desemprego (Caged), do Ministério do Trabalho, e apresentou um comparativo entre a quantidade de empregos gerados nos períodos de 2003/2006 e 2007/2010.

“A construção civil foi o setor que promoveu o grande crescimento de empregos formais na Bahia nestes últimos anos”, disse. De 2003 a 2006, foram 4.304 postos de trabalho criados pela construção para um total de 168.267 na Bahia. Desde 2007, com o aumento da atividade do setor, o número de empregos cresceu mais de 10 vezes na construção civil, alcançando 47.217 até março deste ano, enquanto o total, no período, foi de 201.550 novos empregos no Estado.

    Leia tudo sobre: eleições bapaulo soutoconstrução civil

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG