Em NY, Dilma vai a 1° evento com vice

Candidata do PT e Michel Temer marcaram presença em evento em homenagem ao presidente do Banco Central, Henrique Meirelles

Silvana Mautone, especial para o iG, de Nova York |

Vestindo uma saia longa de renda preta e um blazer vermelho, a cor símbolo do PT, a candidata do governo à Presidência, Dilma Rousseff, chegou no início da noite desta quinta-feira ao hotel Waldorf Astoria, em Nova York, para participar de um jantar da Câmara de Comércio Brasil-Estados Unidos, no qual o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, receberá o título "Personalidade do Ano". Ela se recusou a falar com a imprensa. Disse apenas que está "muito feliz por ele (Meirelles)". Dilma chegou acompanhada da ex-prefeita de São Paulo Marta Suplicy.

O evento é o primeiro de Dilma ao lado do candidato a vice na sua chapa, o presidente da Câmara Michel Temer (PMDB). Ele chegou ao local pouco antes de Dilma, logo depois do presidente do Senado, José Sarney (PMDB). Temer disse que Meirelles "prestou um serviço essencial à economia brasileira".

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva queria que Meirelles fosse o candidato a vice de Dilma, mas, devido a acordo com o PMDB, na última terça-feira Temer (SP) foi indicado pela executiva do seu partido como pré-candidato à vice-presidente na chapa do PT. Sua indicação deve ser confirmada no próximo dia 12 de junho, na convenção nacional do PMDB.

A vinda de ambos para prestigiar Meirelles em Nova York ganhou um tom político após as críticas que o candidato do PSDB à Presdiência, José Serra , fez na semana passada ao Banco Central. Serra disse que a instituição errou ao não ter baixado mais a taxa de juros no passado, quando o cenário econômico internacional estava mais favorável. Dilma rebateu Serra, defendendo a atuação do Banco Central.

    Leia tudo sobre: DilmaeleiçõesTemer

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG