Em jantar, Dilma pede empenho de parlamentares em campanha

Petista discursou em evento promovido pelo deputado Eunício Olivera (PMDB-CE). Veja vídeo em que Sarney fala sobre Dilma

Adriano Ceolin, iG Brasília |

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, pediu o apoio e o empenho dos parlamentares da base governista na sua campanha ao discursar em um jantar promovido pelo deputado Eunício Oliveira (PMDB-CE), em Brasília.

Acompanhada candidato a vice Michel Temer (PMDB-SP), Dilma tentou demonstrar humildade."Não somos aqueles que se acham auto-suficientes", afirmou Dilma. "Vou honrar a missão que me foi dada. Nós precisamos da ajuda de vocês. Podem contar conosco também", completou.

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), afirmou que a candidata petista pediu a ajuda dos deputados e senadores e não quis se colocar "como a dona da verdade".null Veja o vídeo em que Sarney comenta discurso de Dilma no jantar. Além da candidata, falaram Eunicio e Temer.

Segundos os presentes, a petista também falou que a saída do presidente Lula do cargo provoca uma comoção. "Mas vou cumprir aquilo que ele sabe fazer melhor: tomar conta do povo brasileiro", disse.

O presidente nacional do PT, José Eduardo Dutra, avaliou como um sucesso os dois eventos realizados nesta noite em Brasília: a inauguração do comitê de Dilma e o jantar com os parlamentares. "Nota 10. Foi um dia ótimo para a gente.

Segundo o deputado Eunício Oliveira (PMDB-CE), cerca de 300 parlamentares e sete ministros do atual governo Lula participaram do encontro. Em vídeo, ele descreveu como Dilma abordou os colegas.

"Ela foi na mesa de donos", disse Eunício. "Cada um será um soldado", completou o deputado que este ano tentará uma vaga no Senado pelo Ceará ao lado do petista José Pimentel (PT).

nullDilma não quis dar entrevistas. Quando chegou ao jantar, por volta de 21h30, foi até a entrada da casa de Eunício e posou para fotografias ao lado de Temer.

Também marcou presença o ex-prefeito de Belo Horizonte e candidato ao Senado por Minas Gerais pelo PT, Fernando Pimentel, que é um dos coordenadores da campanha de Dilma.

    Leia tudo sobre: dilmaeleiçõespolíticapt

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG