'Eleições ocorrem com normalidade', afirma Presidente do TRE/SP

Walter Guilher de Almeida disse que resultado deve estar definido a partir da meia noite

Marina Gazzoni, iG São Paulo |

O presidente TRE/SP, Walter de Almeida Guilherme, disse que, até o momento, as eleições ocorrem com absoluta normalidade. A expectativa dele é que a partir da meia noite já esteja definida a tendência do resultado das eleições.

Guilherme comentou também sobre a indefinição das candidaturas barradas em razão da Lei da Ficha Limpa. Segundo ele, mesmo se forem eleitos, candidatos afetados pela lei não terão certeza se poderão assumir o cargo. “Esses votos podem ser anulados já que não há uma definição do STF sobre a Lei da Ficha Limpa”, afirma o presidente do TRE.

Uso de camisetas de candidatos
Guilherme esclareceu que é proibido o uso de camisetas com propaganda de candidato nos locais de votação. “Usar a camiseta é crime eleitoral, uma vez que isso pode ser considerada boca de urna”. O presidente do TRE, no entanto, disse que o uso de broches e outros acessórios são permitidos.

Voto de presos
A partir deste ano, os presos do Estado de São Paulo poderão votar. Segundo o presidente do TRE, o órgão selecionou presídios considerados de baixo e médio risco de unidades da Fundação Casa para realizar as eleições. A expectativa é que entre 10% e 13% do total de 55 mil presos provisórios vote no estado de são Paulo.

“Fizemos um meio termo. A constituição permite que o povo vote, mas por questões de segurança não é possível que todos votem no Estado, então fizemos uma eleição”, explica.

Urna Eletrônica
Até o momento três delegações de outros países vieram ao TRE/SP para acompanhar as eleições. As delegações do México, Colômbia e Congo vieram para conhecer o uso da urna eletrônica no Brasil. A expectativa do TRE é que outras delegações venham ao Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo conhecer o sistema.

    Leia tudo sobre: eleições 2010TRE-SPpleito 2010

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG