Eleição muda sistema de trânsito em Manaus

Mais de 1,1 milhão de eleitores estão aptos ao voto na capital do Amazonas no segundo turno

Eduardo Asfora, iG Amazonas |

A Prefeitura de Manaus (AM) prepara um esquema especial para o trânsito neste domingo (31), dia de eleição do segundo turno. A partir das 6h, 70 agentes vão trabalhar em todas as áreas da cidade e nas principais avenidas, a fim de controlar o tráfego e facilitar o acesso dos mais de um milhão e cem mil eleitores aptos a votar na capital.

Equipes da Manaustrans, responsável pelo trânsito, vão fiscalizar as ocorrências e contarão com o apoio de cinco guinchos para veículos pesados. O Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) não vai permitir carros adesivados, nas proximidades das seções eleitorais. Se isto ocorrer, vão ser apreendidos e encaminhados ao pátio do Departamento Nacional de Trânsito (DETRAN).

Para o diretor-presidente do Manaustrans, tenente-coronel Walter Cruz, o pleito deve ser bastante tranquilo. “No primeiro turno tivemos uma eleição com um trânsito calma. Esperamos que no segundo turno isso se repita. De qualquer maneira estaremos com os agentes na rua até final da votação,” afirmou.

Urnas

O TRE realizou nesta manhã o transporte das urnas para as seções eleitores na capital. Vão ser 3.500 em toda a cidade e 3.100 nos 61 municípios do Amazonas. No interior, o órgão preparou uma logística especial para o material chegar aos locais isolados e as comunidades mais distantes. De acordo com o diretor geral do Tribunal Regional Eleitoral, Pedro Batista, a preocupação é com abstenção.

“No primeiro turno tivemos uma abstenção de 406 mil. Nesse, além da seca, temos o agravante do feriado. Por isso, a preocupação,” ressaltou. No amazonas, cerca de dois milhões de pessoas estão aptas a votar. Eles vão escolher o novo presidente da República entre Dilma Rousseff (PT) e José Serra (PSDB).

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG